Foi-se o tempo em que os times do interior conseguiam uma longa sequência de disputas na elite estadual. O aumento no número de rebaixados e a diminuição de clubes faz com que, dos 16 participantes da edição de 2021, menos da metade deles tenha sequência maior que uma década de participações consecutivas na elite.

Além de Corinthians, Santos, Palmeiras e São Paulo, a Ponte Preta é a única equipe que conseguiu atravessar a passagem do século na elite estadual, onde está desde 2000. As cinco equipes estiveram ausentes apenas na edição de 2002, quando, em virtude do Torneio Rio-São Paulo, o Paulistão não teve nove de seus principais times.

O esvaziamento do Paulistão fez com que mais três clubes conseguissem o acesso para aquela temporada. O Ituano, quarto colocado da A2 em 2001, foi um dos beneficiados e desde então também está presente na elite, sendo campeão em 2002 e 2014.Outro time a ter uma sequência de mais de uma década na primeira divisão é o Botafogo. A equipe de Ribeirão Preto disputa o Paulistão de forma contínua desde 2009, quando retornou após cinco anos de ausência.

Recorde O Guarani é o recordista de participações consecutivas entre os times do interior. Após o acesso em 1949, o Bugre esteve na primeira divisão até 2006 (57 anos). Vale ressaltar, porém, que o clube seria rebaixado em 2001, porém foi salvo após ganhar uma vaga no Torneio Rio-São Paulo de 2002. Posteriormente foi mantido no Paulistão de 2003.

Confira abaixo desde quando os clubes disputam o Paulistão de forma contínua:

Deixe uma resposta